Como defensores de justiça e igualdade racial em todo o mundo, o príncipe Harry e a Duquesa Meghan garantiram consistentemente que eles sempre falem e ajudem os outros a serem ouvidos.

O Duque e a Duquesa de Sussex continuaram essa promessa quando se juntaram a jovens líderes de todo o mundo na semana passada para uma conversa aprofundada sobre igualdade de direitos e justiça.

Em resposta ao movimento Black Lives Matter, o Queen’s Commonwealth Trust – que patrocina, financia e conecta jovens líderes ao redor do mundo – mantém discussões semanais com jovens da rede e como presidente e vice-presidente da organização (respectivamente) , Harry e Meghan estavam ansiosos para participar da conversa mais recente.

Durante a discussão virtual em 1º de julho, o casal se conectou com os jovens da rede para falar sobre a importância de garantir que esse momento crítico seja usado para promover os direitos humanos e a justiça, a necessidade urgente de buscar soluções práticas e de longo prazo para a comunidade no futuro e por que é essencial desafiar o viés inconsciente e reconhecer os erros do passado. Harry disse ao grupo:

“Não podemos negar ou ignorar o fato de que todos nós fomos educados a ver o mundo de maneira diferente. No entanto, quando você começa a perceber que existe esse viés, precisa reconhecê-lo, precisa fazer o trabalho para se tornar mais consciente… para poder ajudar a defender algo que é tão errado e não deve ser aceitável em nossa sociedade hoje.”

Meghan expandiu o tema do preconceito inconsciente, acrescentando que muitas vezes se manifesta de maneiras secretas e complicadas.

“Não são nem nos grandes momentos, é nos momentos tranquilos onde o racismo e o preconceito inconsciente estão e prosperam. Torna confuso para muitas pessoas entender o papel que desempenham nisso, passiva ou ativamente. A condescendência das pessoas as faz cúmplices desse problema. E como alguém que já teve experiências pessoais negativas com a condescedência de outros, eu sei que não é suficiente ser um telespectador. “

Os Sussexes juntaram-se à conversa com Chrisann Jarrett, administradora do QCT, cofundador e co-CEO da We Belong; Alicia Wallace, diretora da Igualdade Bahamas; Mike Omoniyi, fundador e CEO da The Common Sense Network; e Abdullahi Alim, líder da rede Global Shapers do Fórum Econômico Mundial de jovens líderes emergentes na África e no Oriente Médio.

Alim, que mora na Austrália, chamou os futuros líderes a aprender com aqueles que tentaram abordar questões sistêmicas antes, a valorizar a experiência vivida e a lembrar que “em qualquer situação, é sempre melhor permitir que grupos implicados determinem o que eles acham que o melhor curso de ação é “. Meghan concordou rapidamente, acrescentando que é para as pessoas “saberem quando liderar e saberem quando ouvir”.

Enquanto o grupo discutia a história da injustiça e por que ainda enfrentamos tantos problemas relacionados ao redor do mundo, Harry explicou:

“Quando você olha para a Commonwealth, não há como seguir adiante, a menos que reconheçamos o passado. Muitas pessoas fizeram um trabalho tão incrível de reconhecer o passado e tentar corrigir esses erros, mas acho que todos reconhecemos que ainda há muito a fazer. Não será fácil e, em alguns casos, não será confortável, mas precisa ser feito, porque adivinhem, todos se beneficiam.”

Meghan também acrescentou:

“Nós vamos ter que ficar um pouco desconfortáveis ​​agora, porque é apenas através desse desconforto que chegamos ao outro lado disso e encontramos o lugar onde a maré alta eleva todos os navios. A igualdade não deixa ninguém para trás, coloca todos nós no mesmo pé – o que é um direito humano fundamental. ”

Wallace, cuja iniciativa da Igualdade nas Bahamas defende a igualdade por meio da educação e promove os direitos das mulheres como direitos humanos, falou sobre a importância de aproveitar esse momento a tempo de tomar medidas significativas.

“Agora é um momento tão poderoso, porque podemos combinar as coisas que já sabemos e as que estamos aprendendo com a emoção crua que estamos sentindo agora. E é natural sentir tristeza e raiva, mas na verdade precisamos mudar isso e transformá-lo em uma energia que possamos usar para ações reais e sustentáveis . Cada um de nós precisa se perguntar o que estou disposto a fazer no momento e como contribuirei para a mudança que não podemos mais fingir que não é necessária”.

O grupo também discutiu a importância de uma aliança significativa. Omoniyi, cuja rede Common Sense Network, financiada pela população, fornece notícias e comentários sociais imparciais e baseados em fatos, disse que a aliança precisa ir além da mídia social.

“Depois de pressionar enviar online, as pessoas precisam arregaçar as mangas e fazer o trabalho. Existe uma série de coisas que significa ser aliado, mas o ímpeto deve ser humildade, bondade e vontade de aprender coisas novas”.

Meghan acrescentou que os dois estavam esperançosos em relação às ambições do QCT de fazer a diferença “em promover mudanças sistêmicas para melhor”, que tem sido uma pedra angular no trabalho mais amplo da rede sobre injustiça histórica desde o final de 2019.

“Saiba que estamos com vocês, em solidariedade. Vamos chegar lá, e temos muita fé e energia renovadas em termos tido essa conversa”.

Harry acrescentou com entusiasmo:

“O otimismo e a esperança que temos é de ouvir e falar com pessoas como você, porque não há como voltar atrás agora, tudo está subindo à cabeça. Existem soluções e as mudanças estão acontecendo muito mais rapidamente do que nunca… Essa mudança é necessária e está chegando. “

Reunidos em uma unica postagem todos as noticias que envolveram o Duque e a Duquesa de Sussex. O casal continua trabalhando nos bastidores nas causas que acreditam, enquanto o mundo enfrenta uma pandemia e eles decidem qual a melhor hora de voltar os holofotes.

12 de junho: Kate Stephens, CEO da Smart Works, falou em entrevista neste mês de junho sobre a patrona da instituição, Meghan Markle:

Ela nos visitou primeiro antes de se casar, quando ela estava conhecendo os setores de caridade do Reino Unido e eu acho que ela realmente se conectou com o que fazíamos e como fazíamos as coisas aqui. Ela viu o impacto que nós conseguíamos ter, nos termos tanto de roupas quanto de treinamento, ajudando mulheres. Eu acho que isso sempre fez parte da sua crença, então ela veio secretamente nos ver ao longo do ano e então, nós pedimos a ela que fosse nossa patrona e ela disse sim, o que foi incrível. Ela tem ótimas ideias e tem sido uma inspiração para nossas clientes acima de tudo. Sempre que ela vem nos visitar, ela se envolve em vestir e treinar as clientes e traz suas ideias pra mesa também. E ela ainda é absolutamente envolvida.

Desde janeiro de 2019 quando se tornou patrona da Smart Works,  Meghan vem se mostrando empenhada em dar todo o suporte necessário para que eles continuem funcionando a todo vapor. Além da criação da coleção capsula lançada em setembro passado, a Duquesa também os destacou na edição de setembro da British Vogue quando a mesma foi a primeira co-editora.

14 de junho: Meghan Markle enviou uma mensagem pras mulheres da Hubb Community Kitchen referente aos 3 anos do incêndio na torre:

Eu penso sobre quando eu as conheci e como vocês tinham se juntado por conta do que viveram em sua comunidade. E agora, o que vocês fazem é tão inspirador, vocês continuam devolvendo, continuam colocando o amor em ação. A cozinha Hubb é sobre isso… Nós sabemos que significa amor, mas vocês são o exemplo do amor em ação e esse é seu propósito. Tenho muito orgulho de vocês, Harry também, estamos enviando muito amor pra vocês hoje, eu sei que é um dia difícil, mas também é um onde vocês podem ver o quanto conquistaram nos últimos três anos e vocês continuam compartilhando e sendo um exemplo para os que estão ao seu redor.

Meghan conheceu as mulheres da cozinha Hubb antes de seu casamento com Harry e vem as apoiando desde então. A Duquesa de Sussex apoiou o livro de receitas que serviu para arrecadar fundos para a Hubb Community Kitchen. No livro foram escritas 50 receitas pelas mulheres que foram afetadas pelo incêndio da Torre Grenfell. Meghan foi responsável por escrever o prefecio do livro. ao longo desses três anos, Meghan, Harry e Doria, mãe de Meghan, apoiam continuamente a mulheres da cozinha Hubb.

21 de junho: Falando na cozinha Hubb, Harry e Meghan enviaram uma carta para a caridade Street Games para agradecer o apoio na entrega de refeições da Hubb Community Kitchen em Londres:

Querida Jane,

Nós queríamos escrever e expressar nossa gratidão ao time do StreetGames depois do apoio entregando as refeições feitas pela Cozinha Comunitária Hubb por Londres. Saber que o North Paddington Youth Club, Solidarity Sports e St. Matthews Project distribuiu centenas de refeições frescas por meio de suas conexões com jovens nos últimos meses é fantástico.

O impacto do COVID-19 é assustador e difícil para muitas pessoas de todo o mundo. Mesmo assim, são em tempos difíceis assim que o espírito de bondade com os outros e a comunidade prevalece.

Nós estamos muito tocados de testemunhar de longe a união das organizações que celebramos e nos importamos muito sobre. A compaixão e liderança de jovens ao redor da comunidade do StreetGames é vital e é a sua gentileza e altruísmo que inspira todos a ser melhores.

Essa carta vem com nossa sincera gratidão e melhores desejos para todos na StreetGsmes.

Harry e Meghan.

24 de junho: Harry e Meghan assinam com a Harry Walker Agency:

Segundo o Los Angeles Time, Harry e Meghan assinaram um contrato com a empresa Harry Walker Agency de Nova York, que será responsável por organizar palestras que o casal dará no futuro próximo. Harry e Meghan participarão de discussões moderadas e palestras com associações comerciais, corporações e fóruns da comunidade. Eles se concentrarão em questões sociais como raça, igualdade de gênero, questões ambientais e saúde mental.

A Harry Walker Agency estará encarregada de gerir as oportunidades do casal de falar em público e anunciar o retorno de Harry e Meghan as plataformas digitais, enquanto eles procuram promover a Archewell.

Harry e Meghan não tem nenhuma intenção ou planos de falar sobre o tempo que trabalhavam para a realeza, menos ainda sobre o funcionamento da Família Real. Harry e Meghan ao assinar com a Harry Walker Agency se junta a outros famosos como Michelle e Barack Obama, Hillary e Bill Clinton, Stacey Abrams, Oprah Winfrey e Jane Goodall que também são agenciados por essa empresa.

A Harry Walker Agency é uma agência de oradores líderes do mundo. Desde 1946, a empresa estabelece parcerias com planejadores de eventos em todo o mundo e os conecta às vozes mais importantes do mundo.

24 de junho: Archie Mountbatten-Windsor está processando a Splash News:

O filho de Harry e Meghan, Archie Harrison Mountbatten-Windsor está processando a Splash News, agência de fotos, por violar sua privacidade. O caso está tramitando no Supremo Tribunal do Reino Unido e o escritório que representa Archie é o Schillings. O caso foi apresentado nos tribunais no dia 25 de março.

Nos documentos legais, Meghan é referida como “amiga de litígio”. Isso é por Archie ser menor de idade. As fotos em questão foram tiradas em um passeio na floresta no Canadá em janeiro onde Meghan e Archie estavam acompanhados por seguranças.

fffffffffffff_28929.jpg fffffffffffff_28729.jpg fffffffffffff_282229.jpg

27 de junho: Os Sussex apoiam a campanha Stop Hate For Profit:

Meghan Markle e Príncipe Harry tem defendido nos bastidores a campanha #StopHateForProfit, que inclui um boicote ao Facebook. O boicote a plataforma consiste em uma briga da indústria com a rede social sobre a maneira com que eles moderam o conteúdo, principalmente o discurso de ódio.

Nas ultimas semanas, o Duque e a Duquesa de Sussex conversaram e incentivaram CEOs de todo mundo a se solidarizarem e se juntarem a grupos de direitos civis, tais eles como NAACP, Color of Change e Anti-Defamation League. O objetivo é que os CEOs comecem a pedir aos profissionais de marketing de suas empresas não comprem anúncios do Facebook.

O Príncipe Harry e a Duquesa Meghan estão voltando ao trabalho.

Na quarta-feira, foi revelado que o Duque e a Duquesa de Sussex se voluntariaram na organização Homeboy Industries, em Los Angeles. A organização é um grupo comunitário de justiça social que trabalha para melhorar a vida de pessoas anteriormente encarceradas e/ou envolvidas com gangues na cidade.

A Homeboy Industries publicou nas suas mídias sociais para compartilhar fotos da visita dos Sussexes. Nas fotos, Harry e Meghan podem ser vistos usando máscaras protetoras, redes de cabelo, luvas e aventais enquanto trabalhavam ao lado das equipes de padaria e café da organização.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Thank you to Harry and Meghan, The Duke and Duchess of Sussex, for visiting and standing in kinship with our Café and Bakery teams yesterday! Our staff was thrilled to work alongside them as they helped prepare food and learned more about our newly launched #FeedHOPE program, which employs our program participants to provide meals to food-insecure seniors and youth across Los Angeles in the wake of the #COVID19 pandemic. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ For 32 years, Homeboy Industries has stood as a beacon of hope in Los Angeles to brave men and women seeking to transform their lives after gang-involvement and incarceration. Each year, we provide support to nearly 9,000 individuals through job training and free services such as tattoo removal, mental health services, GED classes, legal services, and more. Above all, we provide space for our clients to heal from intergenerational cycles of violence in a community of radical compassion. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ If you’d like to help provide second chances to brave men and women and their families, visit our website and stand with us at the link in our bio. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ 📷 Credit: The Duke and Duchess of Sussex.

Uma publicação compartilhada por Homeboy Industries (@homeboyindustries) em

O casal juntou-se aos membros da equipe Homeboy e Homegirl para uma sessão de culinária e conversa, e trabalhou para preparar comida para o programa #FEEDHope, que emprega os participantes do Homeboy para fornecer refeições a idosos e jovens vulneráveis ​​em toda a área de Los Angeles em meio à crise do coronavírus.

Obrigado a Harry e Meghan, Duque e Duquesa de Sussex, por visitarem e permanecerem junto com nossas equipes de café e padaria ontem! Nossa equipe ficou emocionada em trabalhar ao lado deles, ajudando a preparar os alimentos e aprendendo mais sobre o nosso recém-lançado programa #FeedHOPE, que emprega os participantes do programa para fornecer refeições a idosos e jovens com insegurança alimentar em Los Angeles por conta da pandemia de COVID-19.

O Padre Greg Boyle que é fundador da organização Homeboy, já trabalhou em colaboração com a escola de ensino médio de Meghan, a Imaculate Heart High School. Meghan trabalhou anteriormente com Boyle e Homeboy Industries há quase 20 anos, quando participou de uma oficina de culinária com sua mãe, Doria Ragland.

Em entrevista, Boyle falou sobre a visita e Meghan ter conversado em espanhol com uma das participantes do projeto, já que era a sua língua materna. O Padre e outras pessoas com quem os Sussexes trabalharam ficaram surpresos com a fluência de Meghan. Boyle também comentou sobre Meghan ter muita consciência em relação ao racismo sistêmico, pessoas sem teto e justiça criminal.

Ela não é alguém que precisa ser apresentada a esses assuntos, ela nos apresenta a eles.

Outros membros da equipe também eram só elogios ao casal. Carlos Nietto disse que a primeira coisa que reparou em Meghan era o fato de ela usar Huaraches — sandálias típicas do México — e ter achado isso muito interessante.

Tinha mais gente da equipe da Homeboy do que seguranças (da equipe dos Sussexes). Eles são muito humildes, pé no chão e ajudaram a preparar parte ds refeições.

Carlos comentou que do lado de fora tinha um paparazzi que tentou o persuadir a falar alguma coisa, mas Carlos negou porque pensou na Princesa Diana e disse para o paparazzi sair de lá. (A equipe desse site aprova).

Sharon Stone comentou sobre a mudança do casal para Los Angeles e o ativismo que já está em ação.

O que é interessante sobre eles é que não vieram aqui se aproveitar da comunidade. Eles vieram aqui para ser parte da comunidade. Uma amiga comentou comigo sobre tê-los visto andadno de bicicleta enquanto ela estava no sinal vermelho. É disso que eu falo, eles são parte da comunidade generosa e caridosa que somos. Eles não estão aqui pedindo para serem bajulados.

Harry e Meghan podem estar afastados do Instagram e do olho público, mas o trabalho nunca parou!

 

y_28229.jpg y_28129.jpg y_28329.jpg

 

Tradução & adaptação: Equipe Meghan Markle Brasil.

Hoje Meghan e Harry comemoraram o primeiro aniversário de seu filho, Archie. Em um vídeo divulgado pelo projeto Save The Children, o Duque e a Duquesa compartilharam um vídeo de Archie, onde Meghan lia o livro Duck! Rabbit! para o filho enquanto Harry filmava toda a cena. Antes de focarmos no vídeo em si, vamos dar um panorama sobre o projeto Save The Children e a campanha Save with Stories da qual a família Sussex participou.

A Save The Children é uma organização não governamental de defesa dos direitos da criança no mundo, ativa desde 1919, dedicando-se tanto a prestar ajuda humanitária de urgência como ao desenvolvimento de longo prazo, através do apadrinhamento de crianças. São 117 países que recebem o trabalho da Save The Children e milhões de crianças são ajudadas.

As atrizes Jennifer Garner e Amy Adams em conjunto lançaram a campanha Save with Stories com a Save the Children e No Kid Hungry. A Save with Stories oferece através do instagram e do facebook diversão e educação para crianças e pais em meio a pandemia de COVID-19. A campanha que visa ajudar crianças dos EUA e do Reino Unido, já contou com a colaboração de diversos famosos ao redor do mundo. Através de uma plataforma própria, você pode fazer sua doação para ajudar essas crianças. Como fomos informados através de seus representantes de imprensa, o Duque e a Duquesa de Sussex confirmaram que veríamos Archie em seu primeiro aniversário.

Meghan e Harry que apesar de se manterem afastados da grande mídia, vem desenvolvendo trabalhos voluntários com novas instituições, além de continuar firmes com as organizações que são patronos, com toda certeza conheceram o Save with Stories e decidiram que seria o melhor espaço para comemorar o primeiro aniversário do filho: Lançando luz em um projeto incrível e mostrando o quão grande e esperto está Archie:

Meghan, a Duquesa de Sussex, lê ” Duck! Rabbit! para o aniversário de Archie

” Duck! Rabbit!!” com Meghan, a Duquesa de Sussex (e Harry, o Duque de Sussex atrás das câmeras), leram para o filho Archie no seu primeiro aniversário. Feliz aniversário, Archie!

Obrigado #DuchessMeghan por nos ajudar a angariar fundos urgentes para nosso apelo ao coronavírus, lendo “Duck! Rabbit” – Escreveu a Save The Children UK quando lançou o IGTV da leitura da pequena família.

O vídeo que surpreendeu todos os fãs do casal contou com a narração da Duquesa e com Harry filmando e fazendo sons para ilustrar a história assim como sua esposa. Archie que queria mesmo folhear o livro deixou seus pais desconcertados quando pegou outro livro claramente querendo chamar atenção de seus pais. Archie com agora um ano de idade está extremamente esperto e enorme. Esse vídeo foi um balsamo para todos nós em meio a pandemia.

Uma coisa que nos surpreendeu foi um adesivo na capa do livro onde dizia “Archie’s book club” (Clube do livro de Archie) e para nossa surpresa, além desse livro, Archie ganhou outros títulos da apresentadora Oprah Winfrey. Oprah revelou que deu a Archie uma grande coleção de livros como um presente de “bem-vindo ao mundo” no ano passado.

Querido, tenho um presente padrão que faço para as pessoas com quem realmente me importo. Não sei o nome ou o sexo do bebê, mas esse bebê terá livros suficientes para durar a vida inteira!

Voltando para as atrizes Jennifer Garner e Amy Adams, em suas redes sociais as mesmas agradeceram a Harry e Meghan por apoiarem a campanha e dar ao mundo um pouco de Archie nessa data tão especial:

Muito obrigada Meghan, a Duquesa de Sussex, por ler para nós! Amo esse livro e feliz aniversário de um ano para Archie! – Amy Adams via Instagram Stories.

Queridos Meghan e Harry – Obrigada por compartilharem seu lindo filho com o mundo e nos dar permissão de participar na celebração de seu primeiro aniversário.

Nós estamos felizes e agradecidos que vocês escolheram @savewithstories pra marcar esse dia especial e em fazê-lo – aumentaram a visibilidade do trabalho da @savethechildren nos Estados Unidos e no Reino Unido e ajudaram tanto a alimentar quanto educar crianças nesses tempos de tanta necessidade.

Mais que tudo – assistir você docemente falar pelas imagens enquanto seu inteligente Archie passava as páginas – nos anima e nos lembra que o que pode parecer um pato talvez se transforme em um coelho. Obrigada por essa alegria e importante mudança de perspectiva.

Tudo de bom,

Jen – Jennifer Garner via Instagram.

Mais uma vez desejamos ao Archie todas as melhores coisas da vida. Desde que ele chegou na vida de seus pais, todas as coisas mudaram e tudo que Meghan e Harry querem é dar o melhor a esse pequeno garotinho. Archie veio para espalhar amor e união. Veio para unir pessoas e em seu nome, vários projetos incríveis foram iniciados por fãs de seus pais e os objetivos foram concluídos com sucesso. A iniciativa Sussex Great Forest que foi criada para comemorar o aniversário de Archie se encerra hoje com 115 mil arvores plantadas e o Archie Day, que destacou instituições para receberem doações em nome de Archie arrecadou mais de 50.000 dólares.

Daqui vinte anos Archie, você conseguirá entender o tamanho da influencia de seus pais e todo amor que todos nós desejamos diariamente para você. Obrigada a Meghan e Harry por nos proporcionarem esse momento tão importante e feliz.

Fique em casa (se puder) e fique seguro.

No início do mês, mais precisamente no dia 10, o Duque e a Duquesa de Sussex em seus papeis de presidente e vice-presidente da The Queen Commonwealth Trust, divulgaram vídeos sobre uma roda de conversas com jovens lideres da QCC. A conversa girou em torno de saúde mental, os desafios globais, a promoção de mudanças positivas e a importância de apoiar lideranças jovens.

Ao lado do consultor da QCT Kenny Mafidon, os Sussexes se reuniram com seus jovens lideres: Esther Marshall, Izzy Obeng, Victor Ugo, Kiran Kaur e Amna Akhtar. É de conhecimento de todos o quanto a Commonwealth é importante para o casal e mesmo após deixar seus cargos dentro da empresa, Harry e Meghan com toda certeza manterão fortes seus papeis e projetos dentro de todos os países da Commonwealth. Esperamos ouvir em breve projetos do casal e esperamos receber algo que envolva os jovens da Commonwealth. Foi possível identificar que Meghan usou um vestido midi plissado assimétrico da marca britânica Preen by Thornton Bregazzi.

FA6AF359-539A-4F65-8902-979B95E1818A.jpeg 03DA426C-B0E2-472F-9644-5F8AF4FB36F6.jpeg

Fazendo um exercício mental diante de todos os comunicados publicados por Harry para defender sua esposa Meghan, enquanto ainda eram namorados o Duque de Sussex citou o fato da mídia britânica estar a todo o momento procurando pessoas do ciclo íntimo de Meghan para que os mesmos vendessem historias, muitas delas falsas, sobre a então atriz. Certa de cinco dias atrás, o ator Simon Rex revelou que tabloides britânicos ofereceram altas quantias em dinheiro para que ele mentisse sobre seu envolvimento com Meghan Markle. O antigo VJ da MTV de 45 anos explicou em um episódio recente do podcast “Hollywood Raw” que a imprensa do Reino Unido ofereceu mais de 70 mil dólares para que ele exagerasse nos detalhes de sua amizade com a atriz aposentada de 38 anos depois de ter sido rotulado como um de seus ex-namorados.

Nada aconteceu. Nós nunca nem nos beijamos. Foi só uma saída nada romântica. Ela era alguém que eu tinha conhecido em um seriado de TV e fomos almoçar. Isso foi tudo.

Markle e Rex se conheceram enquanto trabalhavam em uma série que durou pouco chamada Cuts em 2005 que explorava os desafios que os empregados de uma barbearia, um negócio de família enfrentava em Baltimore. Antes de Meghan se casar com o Príncipe Harry em maio de 2018, um grande número de tabloides britânicos especulou sobre sua vida amorosa, incluindo Rex como um de seus inúmeros namorados. The Sun publicou uma matéria que a estrela arruinou suas chances com sua antiga parceira de cena quando ela descobriu sobre seu passado como ator de filmes adultos. Segundo Simon:

Quando a notícia saiu, vários tabloides me ofereceram muito dinheiro para mentir que nós teríamos transado. Eu disse não a muito dinheiro porque eu não me senti bem para mentir e mexer com a porra da família real.

O Covid-19 está sendo sem dúvidas a maior pandemia dos últimos anos. Popularmente conhecido como cononavírus, o Covid-19 é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China. Provoca a doença chamada de coronavírus (COVID-19). Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1...

Para se prevenir do contagio você precisa: Lavar as mãos com água e sabão ou use álcool em gel, cobrir o nariz e boca ao espirrar ou tossir, evitar aglomerações se estiver ou não doente, manter os ambientes bem ventilados e não compartilhar objetos pessoais. Essas são orientações do Ministério da Saúde do Brasil.

Esperamos que vocês e suas famílias estejam bem e saudáveis. E lembrem-se sempre: FIQUE EM CASA! Proteja sua saúde e das pessoas a sua volta.

A Família Real foi afetada nesse momento, como toda e qualquer família ao redor do mundo. A Clarence House informou no dia 18/03 que está com suas operações reduzidas e pede para que quem escreveu tenha paciência para receber sua resposta ou que avise caso a mesma não seja necessária.

Lembre-se de que, devido às restrições operacionais causadas pelas medidas do Coronavírus, nossa capacidade de lidar com correspondência está atualmente reduzida e nossa capacidade de responder a cartas e cartões levará mais tempo do que o habitual, isso se aplica à correspondência para Príncipe de Gales, Duquesa da Cornualha, Duque e Duquesa de Cambridge e Duque e Duquesa de Sussex. Como resultado, estamos perguntando se os correspondentes ajudariam, considerando se a comunicação é necessária ou se ela pode esperar até que a situação seja resolvida.

Outra notícia em decorrência ao COVID-19 foi o adiamento do Invictus Games que aconteceria em maio na cidade de Haia nos Países Baixos. Como fundador da competição e da fundação, a presença do Duque de Sussex era mais que confirmada, assim como a da Duquesa. A presença do pequeno Archie foi bastante ventilada. Os jogos foram remarcados para o período de maio e junho de 2021. Em um vídeo compartilhado pela Invictus Games Foundation, Harry em sua casa no Canadá falou sobre a decisão tomada:

Esta decisão foi a opção mais sensata e segura para todos vocês e suas famílias, bem como todos os demais envolvidos nesses jogos. Lamento que não possamos fornecer isso para vocês. Por favor, cuidem de si mesmos. Por favor, cuidem de suas famílias e cuidem uns dos outros.

Ontem foi confirmado que o Príncipe Charles testou positivo para COVID-19 após apresentar alguns sintomas da doença. A Duquesa de Cornualha testou negativo, mesmo estando em constante contato com o marido.

O Príncipe de Gales testou positivo para o coronavírus. Ele tem apresentado sintomas leves, mas permanece saudável e trabalha em casa nos últimos dias, como de costume. A Duquesa da Cornualha também foi testada, mas não possui o vírus. De acordo com as orientações médicas e do governo, o Príncipe e a Duquesa estão se auto-isolando em sua casa na Escócia. Os testes foram realizados pelo NHS em Aberdeenshire, onde atendiam aos critérios exigidos para o teste. Não é possível determinar de quem o Príncipe pegou o vírus devido ao alto número de compromissos que ele realizou em seu papel público nas últimas semanas.

Mesmo antes desse anuncio, em seu instagram oficial, os Sussexes compartilharem informações sobre como proceder em questão ao vírus em diversos momentos.

Ao redor do mundo, a resposta de todas as pessoas que estão caminhando na vida é a de proteger e cuidar das suas comunidades e elas têm sido inspiradoras. E ainda mais as dos corajosos e dedicados trabalhadores na área da saúde que estão na linha de frente arriscando a própria saúde para curar e lutar contra a COVID-19. Onde quer que você esteja no mundo, estamos muito gratos.

A todos nós, a melhor forma de ajudar esses profissionais é termos certeza que não vamos dificultar o seu trabalho espalhando mais ainda a doença. Não importa onde você está, a Organização Mundial da Saúde divulgou algumas orientações que podem ajudar. Você já deve ter visto isso antes, mas eles são importantes agora como eram antes.

Mais uma vez esperamos que vocês estejam em segurança e desejamos melhoras ao Príncipe de Gales e todas as outras pessoas do mundo infectadas.

O Commonwealth Day é uma celebração anual assistida por pessoas de toda a Commonwealth na África, Ásia, Caribe e Américas, Pacífico e Europa. O Commonwealth Day de 2020 incluiu diversas celebrações como desfiles de bandeiras, cultos na igreja, manhãs de poesia, apresentações de dança e outras coisas.

O tema deste ano foi “Entregando um futuro comum”, onde o objetivo foi destacar os 54 países que fazem parte da Commonwealth que estão inovando e transformando suas realidades. A Rainha Elizabeth II como chefe da Commonwealth, se juntou a autoridades e membros da Família Real para uma missa na Abadia de Westminster para comemorar o dia.

No dia anterior, O Duque e a Duquesa de Sussex foram fotografados chegando para acompanhar a Rainha em uma missa na The Royal Chapel of All Saints em Windsor Great Park.

gg_28229.jpg gg_28329.jpg

O compromisso final como working royals de Harry e Meghan foi a missa na Abadia de Westminster para marcar o Commonwealth Day e já cedo obtemos a informação que os Sussexes não participariam da procissão com a Rainha, coisa essa que eles haviam feitos em suas duas anteriores participações ao lado do Conde e da Condessa de Wessexe & do Duque e da Duquesa de Cambridge, o Duque e a Duquesa de Sussex dispesaram a procissão, mas somente os Cambridges foram confirmados, além de Charles e Camilla, que foram os únicos da realeza acompanhando a Rainha na procissão. Sussexes, Wessexes e Cambridges optaram por ir direto para seus lugares dentro da Abadia de Westminster.

A Duquesa de Sussex usava um ousado e esmeralda vestido de capa Emilia Wickstead juntamente com um chapéu de William Chambers, uma pequena bolsa Gabriela Hearst e sapatos de salto nude da Aquazzura. A missa marcou a última aparição pública oficial dos Sussexes como membros seniores da família real antes que sua saída oficial no final do mês. A partir de 1º de abril, mudanças acontecerão na vida do casal que farão um rebranding em seus veículos de comunicação, removendo a palavra royal, além dos trabalhos de bastidores para o lançamento de uma organização sem fins lucrativos.

1206168500.png 1206168518.png 1206171453.png 1206171454.png

1206173190.png 1206173189.png l_28929.jpg l_286929.jpg

1206179925.png 1206179963.png 1211376249.png 1211377319.png

 

O Duque e a Duquesa de Sussex compareceram no ultimo dia 7 de março no Mountbatten Festival of Music, que marcou o último compromisso do Duque como Capitão General dos Fuzileiros Navais Reais. Naquele sábado, Meghan conseguiu surpreender a todos os espectadores com um lindo e deslumbrante vestido vermelho combinando acessórios com a mesma cor e também com o uniforme militar de Harry.

Falando brevemente do Duque, o festival marcou a última vez que Harry vestiu seu uniforme naval completo, já que ele se afasta da posição herdada de seu avô, o Príncipe Philip, daqui poucos dias. Além do estonteante, podemos ver acredita-se que pela última vez medalhas que o Duque de Sussex recebeu em honra a serviços prestados em suas missões no Afeganistão.

Apesar de sorridentes, era perceptível o quanto aquele compromisso final mexeu com as emoções do Duque e da Duquesa. Antes de se dirigir ao box real do Royal Albert Hall para assistirem as apresentações musicais, Harry e Meghan conversaram com autoridades presentes. Já no box, o casal foi ovacionado com aplausos pelo público presente.

O Duque de Sussex ficou visivelmente emocionado com o afeto demonstrado pelo publico e Meghan ao seu lado, apertou fortemente sua mão em forma de apoio. O serviço militar sempre foi algo importante para Harry, que em diversos momentos deixou claro que se encontrou na vida real somente quando se tornou um militar. O Mountbatten Festival of Music celebrou durante dois dias o 75° aniversário do término da Segunda Guerra Mundial e os 80 anos da formação do Britain’s Commandos, criado por Winston Churchill em 1940.

A Duquesa de Sussex usou um vestido longo vermelho da marca Safiyaa, com custo estimado em £1,295, cerca de 7,8 mil reais. Brincos florais frisados de Simone Rocha, além de bolsa e scapins vermelhos.

e_285129.jpg e_28329.jpg e_28429.jpg e_282029.jpg

r_282029.jpg r_281429.jpg r_28329.jpg b_281329.jpg

q_282429.jpg q_282529.jpg q_284829.jpg q_284929.jpg

Desde a decisão de deixar o cargo de membros seniores da família real, não vimos oficialmente o Duque e a Duquesa de Sussex em compromissos oficiais. O casal marcou presença no Endeavor Fund Awards 2020 em Londres na ultima quinta-feira, mas antes do inicio dos prêmios, Meghan foi vista saindo do The Goring Hotel. Entretanto não é de conhecimento público se o casal está hospedado no mesmo durante esse tempo que passarão no Reino Unido, ou se tiveram alguma reunião privada no mesmo.

Patrona do National Theatre desde janeiro de 2019, a Duquesa fez uma visita privada a instituição e conheceu de perto uma exibição de alta tecnologia de hologramas. A exposição que recebeu o nome de Immersive Storytelling Studio recebeu Meghan que foi dito que estava ansiosa para ver pessoalmente seu holograma, criado com o consentimento da Duquesa, que segundo o National Theatre, Meghan acredita que o estúdio e seu trabalho são muito importantes para mostra. A Duquesa de Sussex foi representada com um holograma da cantora Nubiya Brandon, que foi apresentado na exposição nacional All Kinds Of Limbo.

g_28129.jpeg o_28229.jpg

Já à noite, os Sussex saíram do The Goring Hotel caminhando para marcar presença no Endeavor Fund Awards e nem mesmo a chuva impediu a caminhada de Harry e Meghan. O casal estava deslumbrante durante o pequeno caminho, mostrando uma cumplicidade única que levou o público e os fotógrafos ao delírio. a aparição do Duque e da Duquesa marcou o inicios de seus compromisso finais como working royals.

Essa é a terceira aparição de Meghan no Endeavor Fund Awards, já que desde 2018 quando ainda era noiva do Principe Harry, ela o acompanha no prêmio, que foi fundado assim como a instituição pelo Duque de Sussex.

Assim como nas outras vezes, a Duquesa entregou um dos prêmios da noite. A Duquesa de Sussex foi a primeira entre o casal a anunciar um prêmio. Ela anunciou o vencedor da categoria Celebrating Excellence, que teve como vencedor Lee Spencer, que se tornou a primeira pessoa com deficiência física do mundo a remar da Europa para a América do Sul sozinho e sem apoio.

Antes do anuncio do vencedor Meghan falou sobre o sentimento dela e de Harry ao assistir os vídeos dos concorrentes no Canadá. Para amplo conhecimento, desde sua fundação em 2012, o The Endeavor Fund apoiou 108 projetos, teve US$ 3,8 milhões doados, deram suporte a mais de 6.000 funcionários com oportunidades de redescobrir a autoconfiança e o espírito de luta através de desafios físicos.

Um grande momento na cerimônia foi quando Danny Holland, vencedor da categoria reconhecimento de conquistas pediu a sua agora noiva em casamento em frente de toda a plateia. Os Sussexes assim como todos os presentes ficaram surpresos e emocionados pelo casal.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Tonight in London, for their third consecutive year, The Duke and Duchess of Sussex attended the annual Endeavour Fund Awards, which celebrates the achievements of those veterans injured in service who have taken part in remarkable sporting and adventure challenges over the last year. By choosing to take on what seems impossible, these men and women not only set goals for themselves but have also inspired millions of people around the world. These annual awards bring together The Duke and The Duchess alongside wounded, injured and sick Service personnel and veterans as well as their families, friends and supporters of the military community. The Duke, who founded the @EndeavourFund, spoke on the night: • “The Endeavour Fund came from seeing the gaping hole that can be left after taking off that uniform. The power that sport and adventurous challenge plays in recovery, yes; but most of all – the chance to be part of a team again while attempting to achieve unthinkable challenges – as if being shot or blown up wasn’t enough, you guys continue to impress, inspire and challenge what it means to have a life changing injury.” • Since its launch in 2012, the Endeavour Fund has supported 108 projects that have directly assisted over 6,000 of those injured in service. Congratulations to all those who participated in endeavours over the last year and inspired others to push the boundaries of what’s possible! #EndeavorFundAwards

Uma publicação compartilhada por The Duke and Duchess of Sussex (@sussexroyal) em

Hoje, em Londres, pela terceira vez consecutiva, o Duque e a Duquesa de Sussex foram ao #EndeavourFundAwards que celebra as conquistas dos veteranos que foram feridos no serviço e que fazem parte de memoráveis esportes e aventuras no último ano.

Por escolherem fazer o que parece impossível, esses homens e mulheres não apenas tem seus próprios objetivos alcançados, mas também inspiram pessoas ao redor do mundo.

Esse evento anual junta o Duque e a Duquesa com a equipe e os veteranos que foram machucados, feridos, e estão doentes por conta do serviço, assim como suas famílias, amigos e apoiadores. O Duque que fundou o Endeavour falou essa noite: ‘O Endeavour Fund veio até mim por conta do buraco que fica ao tirar o uniforme. Há poder dos esportes e desafios de aventura no processo de recuperação, sim, com certeza, mas acima de tudo, a sensação de fazer parte de algo por um período enquanto tenta superar desafios impensáveis – como se levar um tiro, ou ser atendido por balas não fosse o bastante, vocês continuam me surpreendendo, inspirando e desafiando no que significa ter uma ferida que muda sua vida.” Desde sua fundação, em 2012, o Endeavour Fund ajudou 108 projetos que apoiaram diretamente mais de 6,000 desses feridos em batalha.

Parabéns a todos que participaram do Endeavour no último ano e inspiraram outros a superarem as barreiras do impossível.

Meghan usou vestido midi azul de Victoria Beckham, com salto agulha Manolo Blahnik, sua bolsa era um modelo Stella McCartney quadrada e o seu cabelo estava penteado para trás em um rabo de cavalo baixo, elegante e sofisticado, com uma parte do meio.

C_28229.jpgE_282629.jpgE_283029.jpgS_285829.jpg

 

Meghan e Harry compareceram a Canada House na tarde de hoje marcado assim, o primeiro compromisso do casal no ano de 2020. Após passarem seis semanas no Canadá com o filho Archie, o Duque e a Duquesa que são presidente e vice-presidente da Queen’s Commonwealth Trust, fizeram uma visita a Canada House para agradecer oficialmente a hospitalidade dos canadenses durante as férias da família.

Antes do inicio da visita foi informado que Meghan e Harry fizeram reuniões no Palácio de Buckingham onde mantem seu escritório e visitaram privadamente a The Hubb, cozinha comunitária apoiada pela Duquesa de Sussex. Foi informado que Meghan quis saber como estão as coisas, já que ficou afastada durante as férias.

Os Sussexes foram recepcionados por Janice Charette que é a Alto Comissária do Canadá no Reino Unido e por sua vice, Sarah Fountain. Do lado de fora da embaixada estava apostos o público e a imprensa. Outros funcionários da embaixada tamém estiveram do lado de fora para recepcionar o Duque e a Duquesa de Sussex.

O casal foi recepcionado já dentro da embaixada na sala da Colúmbia Britânica, nome da mesma província que recebeu os Sussexes nas férias, onde na mesa de lanche havia um bar nanaimo, que é um doce típico da Colúmbia Britânica composto por três camadas: uma base de bolacha, nozes e migalhas de coco; creme no meio; e uma camada de ganache de chocolate por cima. A conversa girou em torno da viagem e de como o casal se sente conectado com o Canadá, que foi à casa de Meghan por sete anos antes de se juntar a Família Real. Para a BAZAAR a Alto Comissária Janice Charette, disse:

Como sempre, foi um prazer dar as boas-vindas ao Duque e Duquesa de Sussex na Canada House, em sua segunda visita em menos de um ano. A visita de hoje proporcionou uma oportunidade para discutir algumas das prioridades e valores comuns compartilhados pelo Canadá e Suas Altezas Reais, como um compromisso com a conservação e o combate aos desafios das mudanças climáticas, apoiando o empoderamento econômico e democrático de mulheres e meninas e incentivando jovens e líderes de jovens no Canadá e em toda a Comunidade para se envolver ativamente nos desafios sociais, econômicos e ambientais de sua geração.

Após a conversa o Duque e a Duquesa se dirigiram a Canada Gallery, dentro da Canada House, para prestigiar a exposição da artista indígena canadense Skawennati, que retrata as mudanças do Canadá através dos olhos da artista. No fim, o casal se encontrou com todos os funcionários da embaixada e agradeceram mais uma vez pela hospitalidade, e Meghan revelou que Archie ficou encantado com toda a natureza que lhe foi mostrada pelos pais. Os Sussexes encerraram a visita cerca de 15 minutos depois do previsto.

1192401901.png1192406340.png1192406048.png1192406071.png

Ao lado do Duque de Sussex e de toda a Família Real, a Duquesa de Sussex participou do Royal Festival of Remembrance no Royal Albert Hall em Londres no último dia 09. O festival marcou o 75 º aniversário das grandes batalhas de 1944 e como em todos os anos, homenageou aqueles que morrerem nas guerras a serviço do Reino Unido.

A realeza foi recebida por Ian McColloch e James Bashall, presidente do Royal Albert Hall e presidente do Royal Legion British respectivamente. Tendo como host o Royal Legion British, a Família Real se uniu no Royal Box para assistir apresentações musicais de civis e militares, que prestaram homenagens a membros das forças armadas que perderam suas vidas em combate.

Seguindo os tradicionais temais anuais, em 2019 foi escolhido como tema Monte Cassino, Kohima e Imphal, Dia D – e a colaboração e amizade dos exércitos britânico, da Commonwealth e dos Aliados que os combateram. Também foram prestadas homenagens ao Quartel-General de Comunicações do Governo que é responsável pela inteligência e serviços secretos que não são reconhecidos publicamente sempre, mas são de suma importância.

Essa marca a segunda aparição da Duquesa de Sussex no Royal Festival of Remembrance e este ano, Meghan optou por um vestido preto da marca Erdem com a cintura marcada e saia rodada. E nos pés, a Duquesa usou mais uma vez seu scarpin Aquazzura azul-marinho.

a_28529.jpg a_28429.jpg b_281329.jpg b_281529.jpg

c_28229.jpg c_28429.jpg c_282029.jpg c_281829.jpg