Na ultima quinta-feira, duas mesquitas na Nova Zelândia foram atacadas por terroristas. Esses ataques deixaram 50 pessoas mortas e outras 42 feridas, incluindo crianças.  A Nova Zelândia faz partes dos 53 países da Commonwealth e assim que o mundo soube dos ataques todos enviaram cartas com condolências, incluindo os Sussexes e Cambrigdes.

A Rainha Elizabeth II solicitou que o Duque e a Duquesa de Sussex representassem a Família Real na New Zealand House, pois eles foram os últimos Royals a visitarem o país. O Palacio já havia anunciado que a Duquesa estava de licença maternidade para eventos públicos, mas nunca se descartou uma aparição surpresa como a de hoje.

Ao chegarem a New Zealand House, os Sussexes cumprimentaram os delegados com o tradicional Houngi, é uma saudação tradicional do povo maori na Nova Zelândia, onde o nariz e a testa são pressionados ao mesmo tempo. Eles foram recebidos pelo Alto Comissário da Nova Zelândia, Jerry Mateparae, e logo após ambos deixaram buquês de flores e leram mensagens deixadas pelo publico em frente a New Zealand House.

Acompanhada pelo seu marido, a Duquesa de Sussex assinou o livro de condolências após o ataque terrorista em Christchurch em nome da Família Real Britânica. Eles escreveram no livro “Estamos com vocês” e também “Aroha Nui” que significa “Com profunda afeição”.

De roupas escuras, em forma de luto, os dois conversaram com o Alto Comissário da Nova Zelândia, Jerry Mateparae, antes de botar buquês de flores e ler em voz baixa outras homenagens deixadas por membros do público.

D2CAU8QX4AAPIJ8.jpgD2CAPt6W0AA2Uws.jpgMeghan2BMarkle2BDuke2BDuchess2BSussex2BSign2BBook2BmqhA4U-ZXS6l.jpg